Agência Cupola

A busca pelo bem-estar na nossa própria casa nunca esteve tão em alta. O isolamento social, determinado pela pandemia da Covid-19, mudou a realidade de todos e também a nossa relação com a moradia. Desse período de confinamento surgem então as tendências para a pós-pandemia, que já se refletem no mercado imobiliário.

O que muda na moradia pós-pandemia

Passar tanto tempo em casa resulta em uma avaliação mais detalhada do espaço que cada um tem à disposição. Acesso a áreas externas, espaço para home office, cômodos mais amplos estão entre as características que têm despertado o interesse das pessoas.

E não é para menos: ficar mais tempo em casa transforma a rotina das famílias. Adultos precisam de espaço para trabalhar – o home office foi adotado por boa parte das empresas -, crianças necessitam de áreas para brincar e há ainda um série de outras demandas que vêm surgindo quando se trata de bem-estar.

Levantamento do portal Imovelweb aponta que, em maio deste ano, foi registrado no país, em relação ao mês anterior:

  • aumento de 20% na busca por imóveis com varanda;  
  • crescimento de 19% na procura por imóveis com quintal.

Os percentuais comprovam que a qualidade de vida é um requisito que vem sendo bastante considerado por quem está em busca de um novo imóvel atualmente.

O home office é também uma mudança importante, uma vez que pede um cômodo específico ou a readequação de espaços conjugados para atender as necessidades profissionais que consistem em uma área mais privativa no imóvel, com espaço para mesa, cadeira e computador, entre outras ferramentas de trabalho.

O imóvel ideal

Assim, entram nessa lista imóveis maiores e com vantagens que permitam mais qualidade de vida sem sair de casa como apartamento com sacada gourmet, casa em condomínio fechado, casa com churrasqueira, apartamento com home office.

O fato de ter a casa como único espaço para trabalho, estudo e lazer insere entre as prioridades de quem pretende fazer um upgrade no imóvel o conforto, a comodidade e o estilo de vida saudável. Dessa maneira, também são valorizados imóveis com qualidades como iluminação natural, ventilação, vista bonita, além de área de lazer privativa, considerando ainda espaço para plantas dentro de casa, jardins e horta, por exemplo.

Além da valorização dos momentos ao ar livre, uma tendência que pode surgir é o espaço para higienização na entrada do imóvel. A procura por bairros com melhor infraestrutura também aparece, uma vez que é vantagem estar mais próximo de supermercados e farmácias.

Locação pode ganhar força

A preferência pelo aluguel em vez da compra do imóvel também pode ser reforçada pelo período de isolamento social. A possibilidade do home office e de trabalhar de qualquer lugar abre um espaço para que pessoas planejem suas vidas em cidades que sempre sonharam morar, porém, sem estarem presas ao local.

A locação já é uma tendência mundial e a expansão desse segmento no Brasil era prevista pelos especialistas antes mesmo da pandemia. Por aqui, o percentual de imóveis alugados gira em torno de 20%, enquanto a média global é de 47%.

A tendência é reforçada pelos hábitos das novas gerações, que têm preferido investir em experiências pessoais, como viagens e cursos, em vez de se comprometer com um financiamento imobiliário que pode chegar a 30 anos.

A burocracia  também é um fator que pode desestimular a compra de imóveis, levando o morador a optar por alugar imóveis de melhor padrão.

Assim, surge também uma ótima oportunidade para quem pretende investir em imóveis para alugar. Uma dica é buscar informações a respeito das regiões com maior potencial de valorização: clique aqui e leia um post em que apresentamos esses dados.

Atendimento digital

 O atendimento por meio digital também é uma tendência que chegou no imobiliário para ficar. Com a recomendação para que as pessoas permaneçam o maior tempo possível em casa, o contato remoto é um diferencial.

Além de facilitar a negociação, o atendimento digital reduz a burocracia e os gastos adicionais com cartório, por exemplo. Bem como agiliza o tempo do interessado e contribui para a sustentabilidade do planeta, com menos gastos de recursos como papel e energia elétrica.

Encontre seu novo imóvel em Curitiba

Se você busca um novo imóvel em Curitiba para obter mais qualidade de vida, conte com a Imobiliária Prates para te ajudar nesse processo. A imobiliária conta com atendimento remoto e digital, com a facilidade da assinatura eletrônica de contrato para locação.

Dessa maneira, proprietário e inquilino podem fechar o negócio por meio do computador ou até mesmo pelo celular. Esse é um sistema prático, rápido e seguro e que garante a economia de tempo e de dinheiro.

Além disso, a Prates tem uma carteira de imóveis nas melhores localizações, como bairro Água Verde, Batel, Bigorrilho, Ecoville e Santa Felicidade. A Prates também pode te orientar a encontrar imóveis em qualquer outro bairro nobre em Curitiba. Acesse o site da Prates para saber mais: clique aqui.